Som na Toca

Linguagem

Campanhas

Angélica Duarte - Hoje Tem

Compartilhar:

Angélica Duarte - Hoje Tem


HOJE TEM – O DISCO


“Hoje tem” é o nome que escolhi para o meu primeiro disco autoral e nele pretendo relatar através de canções e arranjos próprios minhas impressões sobre a sociedade em que vivemos. Essa expressão que dá nome ao disco, “Hoje tem” soa como uma promessa de satisfação garantida, e quero mesmo que a escuta desse trabalho satisfaça vocês ouvintes, mas também desejo que a ironia contida nesse título gere reflexões sobre como formamos as relações pessoais nos dias de hoje.

Vivi altos e baixos com muita intensidade desde que me mudei para a cidade do Rio de Janeiro em 2015, e escolhi recortes importantes dessas experiências para compor a história que quero contar a vocês.

A perspectiva de gravar um álbum inteiramente arranjado por mim me parece ambiciosa, mas possível, dado que esse período foi de intensa dedicação e estudo e ainda pude contar com os ensinamentos e incentivos de grandes mestres e amigos que fiz através da música. A iniciativa de arranjar as próprias canções vem do gosto pela autonomia que adquiri ao longo desses anos; pelo fato de possuir atualmente recursos e conhecimento para isso; e finalmente, por sentir que dessa maneira poderei oferecer um trabalho mais completo e caprichado.

A EQUIPE

Sou feliz com a autonomia que conquistei na música, tenho estudado e criado cada vez mais, mas seria impossível realizar as mirabolâncias que imagino para este álbum sem uma equipe competente e amorosa.

Os trabalhos de gravação acontecerão no estúdio Frigideira, do querido amigo e engenheiro de som Gui Marques. Ao meu lado na produção musical estará o músico Lourenço Vasconcellos. Eu estarei no comando dos violões e guitarras e contarei com as presenças ilustres da baixista Alana Alberg e do baterista Gabriel Loddo. Além dos instrumentos já citados, as faixas terão também flauta, trompete, trombone e outras surpresas que surgirão nos momentos de magia das gravações.

Uma das premissas deste projeto é o pagamento de cachês para todos os profissionais envolvidos, o que nem sempre é possível dentro da realidade brasileira, onde os recursos são escassos e muitas vezes os profissionais da música acabam fazendo por amor, embora, como o nome já diz, sejam profissionais e devam ser remunerados como tal.

Os corações de todos os envolvidos neste projeto pulsam para que “HOJE TEM” seja lançado no segundo semestre deste ano.

VEM

Gostou do projeto e quer saber como apoiar? É muito fácil! O financiamento coletivo funciona da seguinte maneira: você contribui com o valor que desejar e recebe uma recompensa em troca!

As recompensas são várias: CDS, songbook com as canções do disco, caneca, show particular, oficina de canto, e estão todas listadas ao lado direito da tela, para realizar sua contribuição basta selecionar a recompensa desejada e finalizar o pagamento.

GASTOS

Para onde vai o dinheiro? Essa é a dúvida de muitos apoiadores, e por isso montei este gráfico:



ANGÉLICA DUARTE

Angélica Duarte é cantora, compositora e poeta. Paulistana radicada no Rio de Janeiro, vivencia as artes desde a infância. Possui formação erudita (canto lírico) pela EMMSP - Escola Municipal de Música de São Paulo (2010-2015) e atualmente está concluindo o Bacharelado em MPB e Arranjo na UNIRIO.

Seu primeiro EP “Odara” (2018), com releituras para canções de Caetano Veloso, foi bem recebido pelo público e pela crítica especializada. Em agosto de 2019 foi contemplada pelo edital da segunda edição do Programa ASA - Arte Sônica Amplificada, iniciativa da Oi Futuro e do British Council para impulsionar a arte sonora e musical feita por mulheres. Em novembro de 2019 lançou sua primeira publicação literária, o zine “groselhas” pelo selo Conjugação editorial. A artista mantém uma rotina de apresentações em palcos do Rio de Janeiro e São Paulo no formato ‘voz e violão’ e integrou a última Mostra Cantautores da TRATORE dentro da SIM São Paulo.


CONHEÇA MAIS DO MEU TRABALHO


Hoje Tem

Essa é a canção que dá título ao álbum, e que na nova roupagem terá baixo, guitarras, bateria e violino! Não vejo a hora de gravar este novo arranjo! 

  


Encantado + Coração Vagabundo

Em 2018 lancei meu primeiro EP, "Odara" que está disponível em todas as plataformas digitais. O vídeo abaixo mostra a abertura do show de mesmo nome:

  


Meu Canto Floresta

No ano passado inciei um duo com a violinista Renata Neves, que também participará do disco. Confira nossa sintonia musical no vídeo abaixo:

 


Abraçaço

São muitas as minhas influências musicais, e gosto de explorar esses encontros nas minhas interpretações e arranjos, como faço no vídeo a seguir:

  




  • R$9.460
    Levantados de R$30.000
  • 60
    Apoios
  • 32
    dias remanescente
31 %
Se esta campanha não chegar a 100% de sua meta, não vai ser financiada.
Apoiar este projeto