Som na Toca

Linguagem

Blog

Treze músicas para hoje

Treze músicas para hoje

Novembro 20, 2018
Compartilhar:

“Não é só a morte que iguala a gente. O crime, a doença e a loucura também acabam com as diferenças que a gente inventa”.

Ouso complementar a frase de Lima Barreto acrescentando que também a música tem o poder de igualar as pessoas e acabar com as diferenças. Músicas representam uma realidade e também criam realidades, e é na reflexão entre essas duas funções que selecionamos 13 músicas de artistas negros brasileiros para embalar vossa noite.

Hoje, vinte de novembro, se comemora o dia nacional da consciência negra. Data auspiciosamente escolhida por ser o dia da morte de Zumbi dos Palmares, símbolo de resistência e luta contra a escravidão no Brasil. A ideia de Consciência Negra, porém, foi criada por Steve Biko, ativista antiapartheid responsável pelo slogan “black is beautiful”, assassinado aos 30 anos de idade pelas forças da repressão do estado sul-africano.

O Brasil tem a maior população de origem africana fora da África, e mesmo hoje, continua sendo um país altamente racista e negrofóbico, onde o número de assassinatos de negros é 2,5 vezes maior que o de brancos e a renda média de afrodescendentes a metade.

Um dos elementos mais fortes da cultura africana é a musicalidade, e no Brasil, esta também serviu como um dos mais importantes recursos de resistência à escravidão, e não é exagero dizer que toda música concebida aqui tem, de maneira mais ou menos direta, raízes e troncos na cultura africana.

As canções que selecionamos são de diferentes tempos e estilos. Todas falam de Brasil, de negritude, de luta e de celebração, e tem um papel fundamental na valorização da identidade afro-brasileira.

Apreciem sem moderação! 


1) Olhos Coloridos, Sandra de Sá 

 



2) Zumbi, Jorge bem Jor




3) Sorriso Negro, Dona Ivone Lara




4) A Carne, Elza Soares




5) Haiti, Caetano Veloso e Gilberto Gil

 

6) Tambor, Kamau

7) Negro Drama, Racionais MCs

 

8) Sou Negro, Toni Tornado



9) Mão da Limpeza, Gilberto Gil

 

10 ) Pra que me chamas?, Xênia França

 

11) Mulheres Pretas, Lady Rap

 

12) Mandamentos Black, Gerson King Combo 

 

13) Tambor do Mar, ODU 

 

 

 

Dica Som na Toca: O coletivo ODU está no nosso marketplace, e pode ser contratado para tocar no seu evento!
https://contratarmusicos.somnatoca.com.br/pt-BR/listings/566986-odu

 

 

Fontes:

- http://negrobelchior.cartacapital.com.br/sobre-o-conceito-de-consciencia-negra-leia-e-saia-da-ignorancia/

- https://veja.abril.com.br/politica/negros-sao-25-vezes-mais-assassinados-do-que-brancos-no-brasil-diz-ipea/

- https://g1.globo.com/economia/noticia/desigualdade-diminui-mas-renda-de-negros-ainda-e-metade-da-de-brancos-no-brasil-aponta-estudo.ghtml


Compartilhar: